AO VIVO
Menu
Busca segunda, 02 de agosto de 2021
Busca
Curitiba
17ºmax
min
Correios Celular - Mobile
Saúde

Laboratório Moderna quer vacinar adolescentes na Europa

A fabricante americana pediu à Agência Europeia de Medicamentos autorização para uso emergencial de sua vacina contra Covid-19 em crianças a partir dos 12 anos

07 junho 2021 - 17h30Por Elisângela Silva Bispo Lima
Laboratório Moderna quer vacinar adolescentes na Europa

Em um comunicado nesta segunda-feira (7), a farmacêutica Moderna disse que apresentou dados à Agência Europeia de Medicamentos para uma aprovação condicional do uso emergencial de sua vacina em adolescentes.

A empresa quer expandir o uso de seu imunizante no bloco europeu. Se autorizada, será a segunda vacina contra a Covid-19 para adolescentes a ser liberada na UE.

No mês passado, o regulador europeu de medicamentos aprovou o imunizante da Pfizer/BioNTech para crianças de 12 a 15 anos.

“Estamos animados, pois a vacina Moderna Covid-19 foi altamente eficaz na prevenção do coronavírus ... em adolescentes”, disse a empresa em um comunicado oficial. A Moderna entrou com pedido de autorização para usar sua vacina de acordo com os mesmos regulamentos de uso de emergência exigidos nos EUA e Canadá.

Esse pedido veio após o fim das restrições da vacina para grupos prioritários em alguns países europeus, como a Alemanha, por exemplo, que já autorizou o uso de vacinas em pessoas a partir dos 12 anos.